sexta-feira, 2 de outubro de 2015

Ausência

Sem você não vale a pena.
Pois, pena sinto de mim.
Cercado de olhos por todos os lados,
sem você, me sinto só.

O céu azul fica lá fora,
aqui dentro tudo é cinza,
sua ausência apaga o sol:
não vejo nada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo teu comentário. Deus te abençoe!